Páginas

Redes sociais, mas nem tanto assim.

24 fevereiro 2016
Mas na verdade, aquelas pessoas que riem demais, no fundo, são aquelas que experimentaram a pior de todas as dores.
Hoje o papo é sobre as Redes sociais, mas não o que costumo ler por ai, sobre largar... Ok, talvez seja um pouco! Mas é mais para como eu lido com as minhas redes sociais. E olha que tenho muitas hein! Umas que nem lembro mais a senha, como o fotolog, de 2009.

Vou começar listando todas as redes que me lembro de ter:
  • Snapchat: eis.sarinha
  • What's: tenho 2, por ter 2 chips.
  • G+: aqui do lado tem um gadget dele
  • Skype: sarah.rodri.santos@outlook.com
  • E-mail: sarah.rodri.santos@hotmail.com
  • WordPress: ICogitare - eu vou reformar lá o blog, nunca postei lá, e estou pensando em deixá-lo apenas para contos. O que acham??
Pouquíssimas redes sociais, não? Haha Eu uso boa parte delas diariamente. Mas sou do tipo de pessoa que esquece o celular durante quase todo o dia, acreditem. Ah e eu ODEIO atender chamadas de telefone, não gosto mesmo de falar ao telefone; mas se for para mandar uns áudios no wpp, tudo bem. Não gosto de gente desesperada no telefone, não consigo.

Na verdade eu uso mais as redes sociais para em aproximar das pessoas, e não me distanciar. Antes eu me distanciava muito, confesso. Ficava na internet o tempo todo e mal prestava atenção nos outros ao meu redor, mas agora eu não sou assim; estou mais desligada dessa necessidade de ficar verificando informações na internet.

É uma forma de mostrar para quem a gente gosta e está distante da gente, que estamos bem, que sentimos saudades, mostrar o que estamos fazendo; pois nem todo mundo pode ficar perto, ou junto o tempo todo. As redes têm que ser sociais! Não podem ser excludentes, embora eu saiba que o são; deveria ser um lugar para conhecer pessoas e lugares, e não para ficar espalhando veneno e destruição psicológica.

Então é isso, por hoje. Vim somente apresentar minhas redes sociais e mostrar como costumo lidar com elas, e o que acho delas... Mas me diga, e você? Como você lida com suas redes sociais? Até que ponto elas te aproximam do mundo mundo, e das pessoas, que você deseja? Você tem noção do poder de transformação que essas redes sociais carregam, ou a intensa conexão que ela pode criar entre você e um Alguém do outro lado do mundo? Gosto de imaginá-las como uma janela aberta para o Outro, o outro lado, para o desconhecido.

Ah e mais uma coisinha: deixem nos comentários os tumblr's e/ou twitter de vocês, que irei vistar e seguir, com os quais eu simpatizar.


4 comentários

  1. "Gosto de imaginá-las como uma janela aberta para o Outro, o outro lado" É bem assim que eu vejo, Sarah!
    Conheci muuitas pessoas bacanas através das redes e mantenho contato com tantas outras por conta dessa possibilidade!
    Uso muuito o facebook e whatsapp e agora estou voltando para o twitter, vou procurar o seu, o meu é @deisesong!
    Um abraço!
    D'cifrando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá moça bonita! Tudo bom com você? Eu espero que sim, viu...
      Eu acredito que tudo é uma questão e perspectiva, se a gente souber usar para determinados fins, as redes sociais são sim transformadoras, aproximadoras, reflexivas, promovem embates importantes... É um mundo tão rico, e tão rasamente explorado, pela maioria, pelo menos...
      Eu conheci meu primeiro amor por uma rede social, minha melhor amiga... Nada paga isso! São relações tão reais e palpáveis, quanto qualquer outra...
      Opa, vou procurar aqui seu twitter, um instantinho que já sigo, assim a gente conversa mais, que tal? Vou adorar conhecer um pouco mais você!
      Abraço!

      Excluir
  2. Olá Sarah, sou eu a Siz, do Cantinho da Siz. Minha primeira visita e já me encantei com os conteúdos que você coloca e amei a forma como você escreve seus textos, me senti conversando com você agora. Bom, acredito que seja esse o motivo das redes sociais, o ato de interagir. Dá até para brincar dizendo que os avós das redes sociais como Facebook, Twitter, entre outras, são as cartas e os telegramas, pois a função era comunicar ao parente ou amigo, sua situação atual, enviando muitas vezes fotos ou pequenas lembranças como um cordão, depois chegou o e-mail e finalmente essas redes sociais. Mas, percebemos que essa geração não parece usá-la no seu verdadeiro sentido. Eu, pelo menos, me aproximei muitos das pessoas após ter, pois eu era muito na minha, quieta e não sou de ter um milhão de amigos. Entretanto, foi a partir do momento que reencontrei amigos que não via desde a infância, falar com minha família que mora longe, poder me comunicar com minha mana que mora em outra cidade todos os dias - mesmo que a gente tenha aula juntas - não é a mesma coisa que viver juntas. As redes sociais me ajudam muito. Eu não tenho amigos apenas aqui na minha cidade, eu tenho em outras partes do mundo e isso vem me ajudando bastante, quem sabe usá-las, de forma correta e controlada, sabe que é um ótimo instrumento para aprendizado e se relacionar com novas pessoas e novas culturas. Como você mesmo falou, é uma janela. Amei seu texto. Vou deixar meu twitter, porque eu me esqueci a senha do meu tumblr kkkkk
    Twitter: https://twitter.com/SirleneSantana
    Um abraço!
    http://cantinhodasiz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá moça, sei que é você! Conheci seu blog recentemente até *-* Tudo bom contigo?
      Nossa, você não tem noção do quanto eu estou feliz por você ter gostado do blog e do que escrevo, isso é muito importante para mim, mais do que você possa imaginar... Obrigada, de verdade. E seja muito bem vinda!
      Percebi que as pessoas andam perdida no meio de tantas possibilidades... O que é uma pena, pois algo que deveria ser completamente proveitoso, pode vir a se tornar só sofrimento...
      Eu uso as redes para ficar em contato com meus amigos, com quem amo; pois uma pessoa, assim como você, mas também que por natureza eu me isola, eu penso melhor isola, eu consigo entender melhor meus sentimentos dessa forma, e as redes me dão a oportunidade de não ficar longe de quem amo, mesmo que eu precise desse tempinho para me por em ordem!
      Fora que a possibilidade de abraçar o mundo, sem sair do lugar, me agrada e me faz amar viver. Posso viajar o mundo inteiro, entrar em várias casas e conhecer pessoas incríveis e suas culturas, sem sair da minha cadeira em Sampa, quer coisa mais maravilhosa?
      Espero que eu e você possamos cuidar devidamente das nossas janelas, e também que nos visitemos sempre, pois eu gostei muito do seu blog, o que quer dizer que também gostei de você, pois o seu blog é uma janela, que me atraiu, e eu gostei do que vi! É um prazer estar te conhecendo moça!
      Já achei no twitter *-* Vamos continuar em contato, pode ser?
      Beijos, moça *-*

      Excluir

 
Desenvolvido por Michelly Melo.