Páginas

TAG: Viver é um ato de coragem!

28 julho 2016
A mágica só acontece quando colocamos o coração e alma para trabalhar pelo melhor, juntos, separados, cada um como pode, com o que tem...
Hoje preferi escrever sobre coragem, algo que eu acho que me falta um pouco. Esses últimos dias andei pensando sobre quantas coisas eu deixei de fazer na minha vida, por falta de coragem. 

Vou escrever sobre isso como se fosse uma espécie de TAG, mas não é. É mais alguns comentários mesmo. Vou mencionar 6 coisas que nunca tive coragem de fazer; nisso vale tudo, o que eu tenho vontade de fazer, o que me arrependo de não ter feito, e o que nunca quero fazer (mas se eu tivesse que escolher, mesmo que tivesse coragem, eu não faria)...

Mas antes vamos a um breve significado; o que seria Coragem segundo o dicionário?
Coragem: do Latim coraticum, derivado de cor, “coração”. Isso porque, em épocas remotas, este órgão era considerado a sede da coragem, além da inteligência. Daí o apelido do Ricardo Coração de Leão.
1. BUNGEE JUMPING: 
Para os desavisados, tenho medo de altura (muito!). Acho fantástico esse esporte, parece incrível mesmo, eu adoraria fazer, se eu não fosse tão medrosa. Pois eu sinto medo até quando subo em uma cadeira e jogo vôlei, imagina nesse esporte? Eu não sobreviveria...

2. SLACKLINE: 
Isso eu tenho vontade de fazer, e até certa coragem, mas me sobra vergonha haha. Talvez se fosse de noite e eu estivesse sozinha ou com pessoas bem próximas, quem sabe eu não faria, não? Parece ser bem desafiador, mas "simples" (pelo menos mais do que o esporte que mencionei acima).

3. UMA VIAGEM DE AVIÃO: 
Talvez essa seja a coisa que mais quero realizar... Não sei se sinto medo; o mais próximo que cheguei de um avião foi chegar ao aeroporto e ficar lá por horas...
Creio eu que eu não passarei mal, espero... E se tudo der certo, em 2 anos já terei realizado esse desejo, pois quero ir a Coréia do Sul.

4. NATAÇÃO: 
Isso é relacionado a um trauma que tenho de piscinas, pois quando eu tinha 5 anos eu me afoguei em uma festinha de criança, na qual eu era penetra... Até aquele dia eu não parecia ter medo de nadar, embora não soubesse. Eu estava na parte funda da piscina a tempo, mas quando percebi que eu estava longe do meu primo eu afundei... Nervosismo talvez?
Depois disso eu entrei novamente na piscina dos meus tios,lá pelos meus 12 anos, mas eu ficava bem tensa e mal aproveitava. Então eu desde então desejo vencer esse meu medo, criar coragem e me matricular nas aulas de natação. Planejo isso para meus próximos 3 anos, se tudo der certo...

5.  GRAVAR VÍDEOS PARA INTERNET: 
Sim, parece bobeira, mas não é. Tem gente que não se importa com isso, e até gosta. Mas não sou muito assim, mal gravo para o snapchat...
Fora que o meu curso universitário pesa muito nessa minha decisão, pois acho que seria se expor muito; e eu ainda não sei se isso é prejudicial ou não. Se expor tem sempre os lados positivos e os negativos; resta pesar sabiamente e verificar se vale a pena, não?
Dentro desse "desejo" seria algo mais como gravar mini vídeos de covers com amigos.


6. AULAS DE TEATRO: 
Bom, deu para perceber que sou uma pessoa muito tímida e introvertida, não? E isso atrapalha minha vontade de entra no mundo das artes, como o teatro. Sempre tive muita curiosidade, sou apaixonada pelos doramas coreanos não é atoa!
Aqui perto de casa até tem uma escola de música que oferece cursos de teatro, a um preço acessível; mas eu ainda não estou preparada psicologicamente para tal feito. Embora eu saiba que essas aulas iriam me ajudar e muito no dia a dia.

Essas foram minhas 6 atividades que eu não tenho coragem de executar; algumas são bem bobas... Mas e a sua lista de coisas que você não tem coragem de fazer, como anda?

1 Comentário

  1. Eu também não gosto muito de gravar vídeos em lugar nenhum. Acho que tem que levar jeito e eu não levo.
    Beijos e bom final de semana!

    http://jj-jovemjornalista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

 
Desenvolvido por Michelly Melo.