Páginas

2ª parte Entrevista Tumblr: Algumas histórias...

12 agosto 2016
Sempre tive esse fascínio absurdo pelo o que não entendo. — Danielle Quartezani
Segunda parte das entrevistas sobre Tumblr... E então? Já foram conferir esse mundo dos unicórnios? Criaram a conta, e estão gostando? Caso tenham tumblr só deixar nos comentários que eu verei, ah e visitem os cantinhos (vulgo: tumblr) uns dos outros também, é bem legal conhecer gente nova nesse universo do tumblr. Você descobre que todo mundo pode ter um poeta escondido nos dedos.

Vamos para a segunda etapa das perguntas para as meninas. Lembrando que a primeira parte foi postada na semana passada.
Primeira Parte: 05/08/16


4. O que te levou a criar um tumblr?
SAMARA: Lembro que em 2013 uma amiga tinha, aí eu perguntei como que era, e ela explicou, depois disso eu criei, acho que curiosidade, e interesse, para saber como funcionava.

JULIA: Eu criei por curiosidade, uma amiga minha tinha um tumblr e comentava às vezes comigo.

LARISSA: Foi curiosidade, tenho uma leve busca por coisas novas ou diferente.

5. Qual é o significado da sua url? Tem alguma história por trás dela?
SAMARA: Não acho que exista uma história para ela (infelizmente), só pensei e puf! –risos-

JULIA: Abulias significa: “incapacidade relativa ou temporária de tomar decisões”. Minha antiga url era “not-believe-in-facts”, apesar do inglês errado, eu quis trocar porque ela nunca me representou realmente. Primeiro porque um fato é algo que foi comprovado, admito que alguns realmente são questionáveis, entretanto a maioria não há como não acreditar. Segundo porque eu sou brasileira e aprendi a amar minha cultura e apreciar as palavras dela, se algo deveria mostrar quem eu sou, deveria começar por onde eu estou inserida.  Ademais, no momento da troca eu me sentia mais forte psicologicamente do que nunca, então gostaria de uma palavra tão forte quanto eu, mas que me definisse em outros momentos da vida também, não apenas naquele. Como diz minha própria url, sim eu tenho dificuldades de tomar decisões, mas aprendi, com o tumblr também, que nem tudo precisa ser decidido, detalhado, comprovado, nem tudo precisa estar 100% certo. A beleza da vida é que ela é uma enorme incógnita e decifrá-la talvez seja um martírio.

LARISSA: Bom, para mim significa renovação. O mundo vive em constante mudança, então para nos adequar á isso precisamos sempre nos reinventar.

6. Como foi sua trajetória no tumblr? 
SAMARA: Entrei no tumblr em 2013, aí fui hackeada, criei esse agora, e estou com ele até hoje, tive a oportunidade de melhorar e muito minha escrita, de ver o mundo de outra forma, tive a chance de conhecer pessoas maravilhosas, tão maravilhosas que nem tenho palavras para descrever, o tumblr me trouxe muitas coisas boas, às vezes aparecem algumas ruins, mas é o que acontece com a maioria. Não tenho o que reclamar de lá.

JULIA: Assim que eu criei o tumblr eu comecei a seguir pessoas variadas e também a reblogar posts variados, quotes, imagens ou gifs. Eu demorei um certo tempo para ter a minha identidade no tumblr, para perceber que eu queria ler e escrever, ou seja, ter um tumblr de quotes. Ao perceber isso mudei radicalmente e comecei a conhecer pessoas com ideias parecidas com as minhas. Conheci muita gente realmente intrigante. Um dos meus melhores amigos, por exemplo, eu conheci através do tumblr e o mais incrível é que ele mora pertinho da minha casa.

LARISSA: No incio, achei que não ia dar certo (porque sou super positiva), ai fiquei um ano sem entrar. Depois disso eu voltei, fui entendo como funcionava, alguns amigos me ajudaram com html e fui pegando o jeito. Fiz diversas amizades, que carrego ate hoje, cheguei a conhecer umas pessoalmente e outras ainda pretendo. Fui em encontros aqui na cidade e na capital, me diverti bastante. Cheguei a ter plagio de uma autoria, um desentendimento aqui, outro ali, mas nada que não pode ser resolvido.

Por hoje é só! Espero que tenham gostado... Hoje vimos as histórias por trás das contas no Tumblr, o significado que elas tem para as meninas, o quanto elas falam com carinho do que construíram ali. É lindo ter uma história para contar!

E comentem, caso queiram fazer alguma pergunta extra... Eu chamo as meninas aqui e elas respondem, caso sejam perguntas pontuais ou pessoais...


Abaixo seguem os tumblrs das meninas e os meus:

Sarah (quotes)
Sarah (fotos)

Nenhum comentário

Postar um comentário

 
Desenvolvido por Michelly Melo.