Páginas

Que seja diferente. Que seja vivo.

08 janeiro 2015

Música: Marjorie Estiano - This Love (cover)

E se der medo, vá com medo mesmo. - Alguém inteligente
O melhor ano da minha curta vida começa agora.

Ano novo, vida nova... E todo o clichê bem clichê. Mas esse ano não só vai ser diferente como já está sendo, eu senti isso nos primeiros dias, parecia que o verdadeiro (pelo menos uma parte dele, vai...) significado de viver e sentir me invadiu, como a tempos eu pedia para acontecer. Fiz as coisas porque eu queria, e não só por fazer; curti de verdade cada minuto que pude, aproveitar pra aprender coisas onde antes eu nem daria ouvidos ou atenção. 
Fugi dos meus padrões. E que bom... Porque eu estava bem infeliz. Quem sabe, mudando todas as minhas rotas e estruturas, eu não fique mais contente e satisfeita? Não custa arriscar, eu não tenho o que perder; já que tudo o que conquistei com dificuldade nesses últimos 2 anos não tem como regredir, nem sair correndo de mim mais.

-"Ok, mas o que vai mudar agora Sarah?"R:Tudo. Incluindo aqui.
- "O que você quer dizer com isso?" 
R: Isso aqui vai ficar mais íntimo, mais alto... Basicamente, vou relatar aqui minha busca em um dos meus sonhos, a tão sonhada Medicina. Ou seja, tudo o que eu fizer nesse caminho, o que eu encontrar nele... E também documentar a evolução do Projeto Quarto, que é a transformação do meu e o que eu pretendo com isso...
-"E o que mais?"
R: Ah, eu não pensei ainda... mas talvez, SÓ TALVEZ, eu comente sobre outros projetos, tipo a história que comecei a escrever. E minha vida escrita, essas coisas...


Então basicamente, vai ser O meu ano, vou ter que amadurecer muito, crescer muito mais rápido, encarar responsabilidades maiores; e tudo ao mesmo tempo, sem perder a graça, o equilíbrio e a minha idade.
Quase 20 primaveras, já passou da hora, não? Por mais assustada que eu esteja, estou ansiosa pelos desafios, que provavelmente me levarão a outros. Posso estar um pouco perdida também, sem saber ao certo por onde começar; mas creio que só de começar, eu já estou tomando o caminho certo, e se não o for eu posso mudar de percurso quando bem entender. É, isso se chama liberdade, e é dela que eu mais senti falta, e é o que mais desejo.

Sobre 2014: o que tenho a dizer é que marcou, e muito; foi muito importante, principalmente porque ficou nítido (preto no branco) o quanto eu mudei em 12 meses.
Alguns traços meus estão irreconhecíveis, e espero que isso não pare por ai. Eu preciso me colocar mais no mundo, na minha própria vida e na vida de quem quer que eu me coloque nela; preciso tirar o pó da minha essência que ficou acoada por tanto tempo. Faltou peito ( não no sentido anatômico da coisa haha) e coragem para me ver no espelho e aceitar (literalmente e não-literalmente), e agora que comecei, eu vou até o fim, e parece um lindo "Fim". Então, fechei sim com chave de ouro 2014, deixei muito a desejar, mas quem não deixa? Fiz o que pude dentro das minhas limitações, agora são elas os meus alvos. Mas tudo com calma e sem afobação, correndo eu só chegaria suada, cansada e me arrastando, e não é bem assim que imagino meu amadurecimento...
Estou sonhando alto demais? Não, obviamente não. Não foi uma vez só não, e nem duas, que me disseram (e não é prepotência, nem nada...) que eu tenho tudo o que quiser nas mãos, o que eu quiser eu consigo. Agora eu acredito nisso, porque não pode ser só pura sorte, tem que partir de dentro de mim, e dentro tem uma chaminha que atrai as coisas boas também, que grita querendo ganhar força, e eu vou alimentar essa chama dia após dia, mesmo que eu me queime um pouco. Acreditar em si mesmo, buscar o que se quer, não é errado, desde que você veja os fatos como são também, não desconsidere ninguém, e essas coisas mais...
 
Ah e antes que me esqueça, a única foto -mais apresentável e postável, que por acaso foi no dia da virada do ano, o meu tão esperado ano- do meu cabelo é essa; e não dá para ver muito (quase nada, admito) o corte que mencionei, mas a cor dá para ver sim, acho que é a única coisa que realmente dá para ver ai. Não se assustem, nem saiam correndo, eu continuo sendo a mesma pessoa maluca que fala demais e sozinha e é meio legal haha.

Bom começo de ano, e que 2015 seja do "caralho" para todos (que merece)!

2 comentários

  1. Ta do caralho mesmoo, no minimoo tem que melhorar 210% Meu ano Pq oia, só Deus na causa.. Enfim. Parabéns pelo seu blog, estou mto orgulhosa de vc, arrazôo julianaaaa. Kkk te gosto pra caralho e continue assim sempre me surpreendendo ❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bora melhorar o ano juntas moça haha 2015 tem tudo para ser O ano (falei assim para não falar "caralho", mas convenhamos... 2015 vai ser do "caralho" hahahahaha). Valeu mô, você orgulhosa de mim é algo raro, vou até salvar essa tela aqui rsrs Vou tentar, ando com planos bons para isso, vamos ver se até julho seu queixo ainda continua no lugar OPSAKSAPKO (como você não entendeu, creio eu... quis dizer sobre te deixar de queixo caído POSAKOSKOP, nada contra seu queixo divo ok?)

      Excluir

 
Desenvolvido por Michelly Melo.