Páginas

O que você faz com a sua vida?

27 junho 2015

Reza a lenda que a gente nasceu para ser feliz. — Engenheiros do Hawaii

Será que você sabe o que você faz da sua vida? Ou pelo menos se dá conta de que é você que faz... Vejo muita gente colocando o fardo de suas vidas nos outros, como se isso de alguma forma justificasse o rumo que ela toma.
Se tem uma coisa que aprendi desde cedo é que tudo o que acontece na sua vida, é culpa, única e exclusivamente, sua, e de mais ninguém. A única coisa que realmente possuímos é nossa vida, o "controle" sobre ela.
Claro que podem nos ameaçar, coagir, intimidar... Mas só se "deixarmos", se fizermos a escolha de que será assim... Caso escolhermos ser diferente, e nós podemos escolher sempre, terá consequências, claro. Toda ação muda algo, cria caminhos novos e fecha algumas portas... Na verdade, não estamos acostumados nem fomos preparados para lidar com questões difíceis e de extrema responsabilidade... Nunca estamos 100% seguros se damos contas das consequências que saem de uma mísera decisão nossa; então jogamos tudo uns nos outros, e na bagunça ninguém mais sabe o que é o que direito. E assim vai se vivendo, sobrevivendo na verdade.
Assuma os riscos e alegrias de sua própria vida, descobrindo assim o quão incrível esse período respirando pode ser. Encare o que dá errado, pense, sinta, fale, tente.
Dói, muitas vezes, fazer o balanço de nossas vidas. Normalmente quando o fazemos, nos damos conta de que o que vivemos é quase nada do que queremos, e ai se cansa, se frustra e se piora a situação; quando se devia mais ainda das nossas verdadeiras responsabilidades somos nós que sentimos as dores, mais do que ninguém; então porque continuar lutando para sofrer durante e depois? Se pode ser diferente, simplesmente deixe ser.
Eu quero ser alguém que lá nos auge dos seus 80 anos vai olhar para trás e sorrir, apesar de tudo o que viveu e por tudo o que viveu até ali. Não quero ter mais arrependimentos do que momentos bons para contar; não quero sentir vergonha de mim mesmo por ter sido fraca ou fracassar, nem por ter desistido de mim mesmo e dos que gosto.
Quero fazer valer a pena cada dia, desde ontem... Que eu aproveite tudo o que tenho para aproveitar, e o que não for fácil, que eu transforme e consiga aproveitar também. Porque lá na frente eu sei que é isso que vai fazer a diferença, e não quantos números eu tenho no minha conta.

2 comentários

  1. Esse seu texto resumiu exatamente o que eu penso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Particularmente, acho que mesmo quando nos damos conta disso tudo ai, ainda assim é difícil mudar; a gente sempre vacila...

      Excluir

 
Desenvolvido por Michelly Melo.